ESTATÍSTICA DE NOSSO BLOGGER

Translate

PopAds

PopAds.net - The Best Popunder Adnetwork

terça-feira, 12 de novembro de 2013

Padre se desliga da Igreja Católica alegando perseguição do Arcebispo de Palmas


“A verdadeira comunhão do cristão é com Jesus Cristo em primeiro lugar. Mas Jesus também usa as pessoas como instrumento da graça dele. O importante na vida é você confiar em Deus, fazer o bem e estar sempre em profunda sintonia com Deus, respeitar as pessoas e ajudá-las na busca da felicidade”.

Por fim, o padre disse que não abandonou sua fé católica e que não pretende aderir à outra igreja. “Convite não falta, mas a Igreja Católica é minha igreja mãe”. 
O padre Sebastião de Lima, que ordenou na Casa de Maria durante nove anos e três meses, pediu desligamento da Igreja Católica Romana na Arquidiocese de Palmas, via carta, nesta quarta-feira, 7. O padre alega que foi perseguido pelo Arcebispo Dom Pedro Brito Guimarães.

Em entrevista exclusiva ao T1 Notícias o padre relatou que desde a chegada do Arcebispo na cidade, foi perseguido por ser independente nas atividades que exercia. “Me desliguei da igreja Romana primeiro porque o Bispo não queria que eu tivesse amizade com autoridades de outras igrejas, mas eu não vou deixar de receber quem gosto na minha casa, que é de todomundo, independente de religião”, disse.

Padre Sebastião contou que foi Bispo Bizantino e que, por isso, tem muitos amigos na Igreja Brasileira, que é uma entidade fundada por um bispo que deixou a Igreja Católica Apostólica Romana. “O Papa falou que devemos ter diálogo com as outras igrejas e inclusive com os ateus. Eu não vou deixar de ter amizades”, disse
Continue Lendo essa Excelente Reportagem http://surgiu.com.br/noticia/119514/padre-se-desliga-da-igreja-catolica-alegando-perseguicao-do-arcebispo-de-palmas.html



Irmãos fiquemos em Orações. pelas vocações Sacerdotais por nossos Missionários, Sacerdotes, Presbíteros, Diáconos, por todos. Se nós somos perseguidos imaginem os Sacerdotes. Amém

Oração aos Sacerdotes Presbíteros ( Catecismo da Igreja Católica - Vatican.)
É assim que São Gregário de Nazianzo, ainda jovem presbítero. exclama:
«Temos de começar por nos purificar, antes de purificarmos os outros: temos de ser instruídos, para podermos instruir: temos de nos tornar luz para alumiar, de nos aproximar de Deus para podermos aproximar d'Ele os outros, ser santificados para santificar, conduzir pela mão e aconselhar com inteligência» (88). «Eu sei de Quemsomos ministros, a que nível nos encontramos e para onde nos dirigimos. Conheço as alturas de Deus e a fraqueza do homem, mas também a sua força» (89). [Quem é, pois, o sacerdote? Ele é] «o defensor da verdade, eleva-se com os anjos glorifica com os arcanjos, faz subir ao altar do Alto as vítimas dos sacrifícios, participa no sacerdócio de Cristo, remodela a criatura, restaura [nela] a imagem [de Deus], recria-a para o mundo do Alto e, para dizer o que há de mais sublime, é divinizado e diviniza» (90).